Debate Nacional

Menino exclui colegas de festa; governo discute caso

Um menino de 8 anos de idade provocou um debate nacional na Suécia por não ter convidado dois de seus colegas para sua festa de aniversário, segundo informações divulgadas nesta segunda-feira

A escola da criança, na cidade de Lund, no sul do país, diz que ele violou o direito dos colegas excluídos da festa e levou o caso para o Parlamento.

Segundo a diretoria, se os convites são distribuídos na escola, não pode haver discriminação.

O pai do menino fez uma reclamação formal junto ao ombudsman parlamentar.

Ele argumenta que as duas crianças não foram convidadas porque uma delas não havia convidado seu filho para a sua festa e a outra havia brigado com ele.

O menino distribuiu os convites durante o horário das aulas e quando o professor percebeu que dois alunos haviam sido excluídos, os convites foram confiscados.

“Meu filho ficou muito magoado”, disse o pai do menino ao jornal sueco Sydsvenskan.

“Ninguém tem o direito de confiscar a propriedade de alguém dessa forma, é como pegar a correspondência de uma pessoa”, acrescentou.

Um veredicto sobre o assunto deve ser anunciado em setembro, em tempo para o próximo ano letivo no hemisfério norte.

Falta ou não falta assunto para se debater com o governo num país desses? Já por aqui…

Fonte: Terra Noticias

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *