Dia mundial sem carro (compre já o seu)

Nos últimos dias tenho recebido e-mails e convites para participar do Dia Mundial sem Carro. Tudo bem, resolvo dar uma passada no site do evento.

Cheguei lá e até tentei ler o texto, mas um banner de publicidade do lado direito, oferencendo carros a todo instante era muito mais atrativo. Ora, ora… cada uma!

Dia Mundial sem Carro

11 comentários

  • Eu quero é um Maverick tunadaço pra andar de V8 pela cidade. E só desistirei da idéia no dia que os países ricos fizerem a parte deles na redução de emissão de poluentes.

  • Hahaha, não dá nem para acreditar numa coisa dessas, parece piada!!! Hehe, saudades de vir aqui, a menina que voa anda andando por ai:) precisa voltar a voar!
    Bjão!!

  • Primeiro, sobre o site do dia mundial sem carro, impressionante como a grana fala mais alto e faz uma pessoa sem noção vender espaço logo pra esse tipo de propaganda.

    E Ao Murilo,
    Essa postura de ficar jogando a culpa pros outros é muito baixa, viu, cara, e carro em Fortaleza não significa só emissão de gases poluentes, mas caos nas vias da cidade, caso vc não tenha se tocado disso. Cuidado pra fumaça do seu Maverick não entrar pelo ar condicionado.

  • Ah, Mário, essa não dá, não. Parece argumento de integrantes da lista do DATA. É evidente que, assim como qualquer anúncio do Google, a publicidade de blogs e saites hospedados gratuitamente no UOL é direcionada de acordo com palavras-chave que aparecem no conteúdo. E, em ambos os casos (Google e UOL), elas são outorgadas. É a falsa ‘gratuidade’ que existe na oferta desses tipos de serviço (busca, blogs, saites etc.). Se você fizer uma pesquisa – sei lá – sobre ‘dia sem carro’ no Google, vai aparecer o seguinte:
    Carro Infantil Em Oferta
    Compre Jipe Explorer p/ o Dia das
    Crianças! Apenas12x R$ 22,49.
    http://www.CompraFacil.com.br/Bandeirante

    Olha que maravilha. Você vai atrás de informar-se sobre uma atividade ‘alternativa’ contra a utilizada de carro e encontra um anúncio de um jipinho de quase 300 reais para incentivar sua prole a venerar… carro. De forma análoga, ocorre o mesmo no blog do Dia Mundial sem Carro.

    Abraços,

    Daniel Fonsêca

  • Daniel, eu sei como é o mecanismo desses anúncios, mas que é estranho, é.

    Abraço.

  • Mas, Mário, veja bem. Não me referi à engenharia que submete os conteúdos da Internet por pensar que você a ignorasse. Pelo contrário: você a compreende infinitamente mais do que eu. Acontece que, ao deixar vacante essa informação, subtrai-se, também, a compreensão do seu post, como aconteceu em comentários feitos aqui, pondo em dúvida, portanto, os princípios do movimento ambientalista. Por sinal, você não é do Ceará, é? Digo, morador há muito tempo… Se for, já ouviu falar em Pablo Ximenes? Abraço

  • O Pablo é mais conhecido nos cursos de computação e rodinhas de programadores por aqui do que rapadura… :D

    Voltando ao assunto, se quisessem dava para filtrar os anúncios daquela página, mas é bobagem, levei pro lado humorístico do negócio, mas atentando ao seu comentário tem razão ao dizer que deixei vago o post e que isso pode afetar os princípios do movimento ambientalista. Ok. Vou colocar um ps ali no final, apesar que é para isso que servem esses comentários.

    Valeu.

  • O que se quis dizer aqui é que essa “engenharia” trouxe um resultado engraçado. Coisas da Inteligência Artificial.

    Seria constrangedor uma criança, um padre (ou um pastor, ou uma freira), um palestrante, … entrar num site que aborda os problemas da prostituição infantil e se deparar com um baner gigante das “Brasileirinhas”. São os efeitos colaterais que passam despercebidos por algumas pessoas. Mas tem aquele público exigente (ainda bem!).

    Que tem o Pablo?

    cata-corno: cognição, panfletagem, ad-non-sense

  • Sobre o Pablo, está na sua conta do GMail (marioaragao at gmail.com). Mas o básico é que ele é meu irmão. Abraços

  • O cara é bom.
    Fiz Lógica Matemática com ele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *