Porno Man

Um funcionário público japonês foi punido após ser descoberto que em nove meses, ele conectou-se milhares de vezes a sites de pornografia durante o horário de trabalho.

O homem de 57 anos, cuja identidade não foi divulgada, conseguiu manter o seu emprego na assembléia local da cidade de Kinokawa, no sul da Japão, mas foi punido e o seu salário sofreu um corte de cerca de 20.000 ienes.

A situação foi detectada quando o seu computador foi infectado por um vírus. Após uma investigação, descobriu-se que ele tinha visitado mais de 750.000 sites de pornografia em nove meses.

Fonte : BBC NEWS

9 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *